Embola Bola

Embola Bola
Embola a bola embora
Sem rebolar
Embola a bola embora
Sem rebolar

Passo nessa vida
Como passo na avenida
Entre nobres e caras-de-pau
Sufocados no mesmo ideal

Mas à mercê
De um falso alento
Eu me deito
Esperando

Sorrindo ou xingando
O que jamais
Teceu-me consideração
dança que marcou
Eu não
COMENTÁRIOS