Sem Saber

Sem Saber
A vida já é um absurdo
Com você longe muto mais
A estrada é ruim
Oh, trânsito que não vai
Mas com a gente tudo ia em paz
É você que esquenta sem saber
Você não me vê como eu sou
Quando vou te ver
Dias sem calor
Que fará, o que me dirá
Fui pra cama cedo
Temendo o mistério
Que desassossego
Me diz o que quer
E eu dou
E não dou

Esperando nada

Dou...
Silêncio na noite
A noite brilhando
Meu bem, eu te adoro
Eu sigo pensando: vou
Ou não vou
Eu preciso dela
Vou
Enfrentar o caos
Conceder, reconstruir
Retirar o sal
Vamos ver, se ela sorrir
Sorrirei também
E farei, seja o que for
Pra voltar atrás
E o que mais,
Mais vale o amor
Djavan - Novena
Versão do álbum:
COMENTÁRIOS