Todo Dia

Todo Dia
Todo dia ela grita da porta
Meu filho
Te cuida te olha
Que eu te quero inteiro
De volta em casa em nossa mesa

Todo dia ela avisa da porta
Amigo
Te aquieta segura
Que eu te quero de volta
à mesa em casa inteiro

todo dia ela geme no beijo
amor meu
acalma e lembra
que eu te quero sempre
de volta a causa mais que inteiro

e ela sofre os perigos da vida lá fora
tanto quanto o seu tanto quanto nós sabemos
ensangüentando as nossas brancas camisas
suor ou não suor

todo dia retorno ferido e digo
Te amo
E durmo guerreiro garoto em seu peito travesseiro
E ela canta baixinho

Amanhã ele vai batalhar
Vai se dar inteiro
Vai se arrebentar
E vai rolar pra mim
Ou talvez não
Quem sabe
Gonzaguinha - Recado
Versão do álbum:
COMENTÁRIOS