Chove Chuva (Part. Sérgio Mendes)

Chove Chuva (Part. Sérgio Mendes)

Eu hoje vou fazer uma prece
Pra deus, nosso senhor
Pra chuva parar
De molhar o meu divino amor


Que é muito lindo
É mais que o infinito
É puro e é belo
Inocente como a flor


Por favor, chuva ruim
Não molhe mais
O meu amor assim


Chove chuva
Chove sem parar


Hoje eu vou fazer uma prece
Pra deus, nosso senhor
Pra chuva parar
De molhar, o meu divino amor


Que é muito lindo
É mais que o infinito
É puro e é belo
Inocente como a flor


Chuva ruim
Não molhe mais
O meu amor assim
Por favor, chuva ruim
Não molhe mais
O meu amor assim


Diz aí
Mas que charminho brasileiro...


Eu hoje vou fazer uma prece
Pra deus, nosso senhor
Pra chuva parar
De molhar o meu divino amor


Que é muito lindo
É mais que o infinito
É puro, é belo
Inocente como a flor


Chuva ruim
Não molhe mais
O meu amor assim


Por favor chuva ruim
Não molhe mais
O meu amor assim


Chove chuva
Chove sem parar


Chove chuva, chuva, chuva, chuva, chove sem parar...

COMENTÁRIOS