Na Canga

Na Canga
Era dia de sol em Salvador
O dia prometia, fazia calor
Fui parar na praia, tomar banho de sal
Só de sunga e sandália
Bom humor e alto astral

Você me olhou com seus olhos de gulosa
Me devorou com seu beijo tubarão
Me atiçou, gata no cio
E eu acreditei e não consegui dormir
E eu acreditei e não consegui dormir

Me lembrei do navio de Djavan
Escorreguei no seu corpo tobogã

Ai, ai, Nana
Tire o biquini e vem pra mim na sua canga
Ô Nana
Jammil - Luau Do Jammil
Versão do álbum:
Outra versão dessa música
COMENTÁRIOS