Menina Manhosa

Menina Manhosa

Não entendo você
Com seu jeito de ser
De menina manhosa

Não me deixa sozinho
Querendo carinho
Mas sempre dengosa

Seu amor é sincero
És tudo que eu quero
Mas não sei porque

Se te peço um beijinho
Arruma um jeitinho
Pra não me atender

Não entendo você
Com seu jeito de ser
Não me toque não rele

A outros que lhe quer
Nem dá bola sequer
Só a mim que prefere

leva um papo legal
Muito especial
És tão cheia de prosa

Como a flor em botão
No alcance das mãos
Mas é muito manhosa

Não entendo você
Com seu jeito de ser
Sempre cheia de segredos

Me deseja me ama
Me excita me chama
Mas morre de medo

Se eu insisto um pouquinho
Responde baixinho
Amanhã pode ser

Até mesmo um beijinho
Arruma um jeitinho
Pra não me atender
COMENTÁRIOS