BIOGRAFIA Lexa Oficial

Lexa tinha tudo para se tornar uma profissional de Engenharia ou Matemática, após passar em excelentes colocações no vestibular para a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro). Mas foi a música que falou mais alto para a estudiosa carioca de 20 anos, que também trabalhou em uma padaria antes de investir na carreira e já morou em Brasília, Belém e São Paulo. Das apresentações que começaram aos 3 anos, ao convívio com diferentes culturas e com o incentivo fundamental da mãe, Lexa decidiu se dedicar com mesmo afinco às aulas de canto e piano.

Após anos de dedicação, Lexa finalmente consegue seu lugar no show business. No segundo semestre de 2014, indicada pelo produtor musical Batutinha, a cantora assina contrato com a K2L Empresariamento Artístico e começa a se profissionalizar. A partir daí seguiram-se meses de preparação até que em janeiro de 2015, a cantora entra pela primeira vez num estúdio para ensaiar com a sua banda o repertório do novo show. O dia a dia e bastidores da artista passaram a ser acompanhados e exibidos pela webserie “Diário da Lexa” (que já está na terceira temporada pelo canal oficial:

).

Lexa estreou nas rádios com “Posso Ser”. A canção, produzida por DJ Batutinha, veio acompanhada por um clipe dirigido por Raoni Carneiro em clima de superprodução com cerca de 100 pessoas envolvidas e mais de 15 horas de gravação em estúdio. O vídeo, lançado em fevereiro de 2015, soma mais de 8 milhões de visualizações e a música rapidamente alcançou o top 20 da Billboard Brasil.

Em março de 2015, Lexa faz seu show de estreia num megaevento apenas para convidados na Fundição Progresso. Durante a apresentação, Lexa mostra que veio para se firmar no cenário musical. O espetáculo une música, dança e muitos efeitos visuais. A cantora é acompanhada por quatro músicos e sete bailarinos; e passeia por diferentes gêneros musicais, do pop ao reggae, passando também pelo rock e, é claro, pelo funk.

Após o show, ainda no backstage, a cantora assina contrato com a gravadora Som Livre. Pouco tempo depois, lançou o EP digital “Posso Ser” que, além da música homônima, contava também com 4 outras faixas: “Para de Marra”, “Disponível”, “Bem Resolvida” e “Deleta”.

Em junho de 2015, a cantora lançou o clipe de “Para de Marra”, mais uma produção grandiosa, desta vez dirigida por Rafael Almeida. Atualmente o vídeo conta com mais de 5 milhões de visualizações no Youtube.

Lexa, que desde criança tem o costume de pintar a mão com uma unha de cada cor, lançou em julho uma linha de esmaltes, a #GlamByLexa, em parceria com a Bioderm. A coleção conta com 10 cores e tem como diferencial ser hipoalergênica, ou seja, livre de componentes que causam alergia, além de ajudar a fortalecer as unhas.

No final de agosto, Lexa deu início às ações de lançamento de seu primeiro CD. Com uma ação no seu Instagram (@lexaoficial), a cantora revelou aos poucos em um mosaico a contra-capa do trabalho. Em seguida, os fãs mais do que curiosos tiveram que entrar em um site exclusivo e acertar uma senha para só então serem surpreendidos com a capa de "Disponível". Em meia hora de ação, o site já tinha recebido mais de 100 mil visualizações.

Mantendo o ritmo, no dia 07 de setembro a cantora lançou mais um single acompanhado de um clipe muito bem produzido. Em “Disponível”, Lexa mostra atitude de rockstar e faz até chover! Com direção de Isabelle Lopes, o clipe foi lançado com exclusividade pelo canal Multishow.

Em 18 de Setembro, chegou às lojas e às plataformas digitais “Disponível”, primeiro álbum da carreira de Lexa. O CD, lançado pela Som Livre, traz 13 músicas – sendo seis composições próprias da cantora.

E este é só o começo desta história!