Dona Saudade

Dona Saudade
Liu E Léo - Dona Saudade

Com sinceridade a dona saudade não tem mesmo jeito
Da desilusão do meu coração quer tirar proveito
Pelos meus caminhos colheu gravetinhos de um amor
desfeito
E devagarinho ela fez seu ninho dentro do meu peito
Ó dona saudade tenha piedade não me aperte tanto
Deixe este caboclo viver mais um pouco nem que seja em
pranto
Quero ver aquela flor pura e bela perder seu encanto
Seu choro ela canta, quero que esta santa chore quando
eu canto

Com sinceridade a dona saudade não tem mesmo jeito
Da desilusão do meu coração quer tirar proveito
Pelos meus caminhos colheu gravetinhos de um amor
desfeito
E devagarinho ela fez seu ninho dentro do meu peito
Ó dona saudade tenha piedade não me aperte tanto
Deixe este caboclo viver mais um pouco nem que seja em
pranto
Quero ver aquela flor pura e bela perder seu encanto
Seu choro ela canta, quero que esta santa chore quando
eu canto
Seu choro ela canta, quero que esta santa chore quando
eu canto
COMENTÁRIOS