Canos Silenciosos

Canos Silenciosos
Onda na madrugada
Silêncio na batida
Tá todo mundo se aplicando pra festa
Pra chegar na festa bem aplicadinho

Movimento na esquina
Todo mundo entra todo mundo sai
Sexo drops rock'n roll adrenalina
Diversões eletrônicas num poderoso hi-fi

Oh!e a noite tá no sangue de hoje
Deixa a noite rolar
Oh!e a noite tá no sangue de hoje
Deixa a noite rolar

Canos silenciosos
Nervosa calmaria
Quando todo mundo pensava que ia se divertir pacas
É bem aí é bem aí que o pânico todo se inicia

Correria na esquina
Ninguém mais entra ninguém mais sai
Homens fardas cassetetes camburões
Abusando da lei com suas poderosas credenciais

COMENTÁRIOS