Canção De Ninar

Canção De Ninar

Bem, eu sei como é o sentimento
De encontrar-se do lado de fora, à margem
E não há cura
Para um corte com uma ponta afiada
Eu estou lhe dizendo que
Nunca é assim tão ruim
Aprenda com alguém que já passou pelo que você está passando
Jogados no chão
E você não tem certeza
Se consegue continuar com isso


Então, basta tentar mais uma vez
Com uma canção de ninar
E aumente o som disso no rádio
Se você pode me ouvir agora
Estou me comunicando
Para que você saiba que não está sozinha
E se você não consegue entender
E você se assusta
Porque eu não consigo contatar você no telefone
Então, apenas feche os olhos
Oh, meu bem, aqui vai uma canção de ninar
Sua própria canção de ninar


Por favor, deixe-me levá-la
Para fora da escuridão e para a luz
Porque eu tenho fé em você
Que você conseguirá atravessar outra noite
Pare de pensar no caminho mais fácil
Não há necessidade de soprar e apagar a vela
Porque você não está acabada
Você é jovem demais
E o melhor ainda está por vir


Então, basta tentar mais uma vez
Com uma canção de ninar
E aumente o som disso no rádio
Se você pode me ouvir agora
Estou me comunicando
Para que você saiba que não está sozinha
E se você não consegue entender
E você se assusta
Porque eu não consigo contatar você no telefone
Então, apenas feche os olhos
Oh, meu bem, aqui vai uma canção de ninar
Sua própria canção de ninar


Bem, todo mundo já chegou ao fundo do poço
Todo mundo já foi esquecido
Quando todos estão cansados de ficarem sozinhos
E todo mundo foi abandonado
Saí com a mão um pouco vazia
Então, se você mal consegue aguentar


Então, basta tentar mais uma vez
Com uma canção de ninar
E aumente o som disso no rádio
Se você pode me ouvir agora
Estou me comunicando
Para que você saiba que não está sozinha
E se você não consegue entender
E você se assusta
Porque eu não consigo contatar você no telefone
Então, apenas feche os olhos
Oh, meu bem, aqui vai uma canção de ninar
Sua própria canção de ninar
Oh, meu bem, aqui vai uma canção de ninar
Sua própria canção de ninar

COMENTÁRIOS