Porta Secreta

Porta Secreta
Entre a noite e o dia
Há uma fresta de espiar
O ponto mais transparente
A porta mais incapaz
Um murmurar de segredos
Um brilho mais que o desejo
Que procuro no mar que pelejo
Até quando sonhar eu pelejo
Quero-te bem, ventania
Quero-te mais, furacão
Vou aprender com as luzes
A compreender a paixão
Vou mergulhar nos espelhos
Vendo mais do que desejo
Não me afogo no mar que pelejo
Até quando boiar eu pelejo

Zé Ramalho - Frevoador
Versão do álbum:
COMENTÁRIOS