Tum-Tum-Tum / Mulata No Coco

Tum-Tum-Tum / Mulata No Coco

No tempo que eu era só
Que não tinha amor nenhum
Meu coração batia mansinho
Tum tum tum

Depois veio você
O meu amor o número um
E o meu coração
Pôs-se a bater
Tum tum tum

Olha o balanço das cadeiras dela
Olha o balanço das cadeiras dela dá
Olha o balanço das cadeiras dela
Fiz esse coco
Só pra ela balançar

Quando eu gritei o coco
A mulata se espalhou
E o chiado da sandália dela
A poeira levantou

A moçada lhe cobriu de palmas
Ela em "cena" tornou a voltar
Em satisfação voltei a cantar esse coco
Que eu fiz só pra ela balançar
COMENTÁRIOS